02/08/2021

Conversas Hegelianas: Pesquisadoras no Brasil

Youtube do Grupo de Filosofia Alemã da UFABC

Nas segundas-feiras de agosto, haverá 5 entrevistas com 5 pesquisadoras brasileiras que atuam na área da filosofia clássica alemã e, mais especificamente, pesquisam temas que têm a ver com os estudos hegelianos.

O Brasil é um país onde os estudos hegelianos estão passando por um desenvolvimento particularmente interessante, que envolvem novas traduções das obras de Hegel, debates acerca da pertinência de suas ideias, bem como da sua atualidade. Ao mesmo tempo, a participação feminina nesta área de investigação, apesar de ser de grande qualidade, ainda é minoritária. Sabemos que a representatividade, neste caso, de mulheres na área da filosofia hegeliana, é importante por diversos motivos. Entre eles, a reiteração de que essa filosofia pode ser tema de debate e de pesquisa feita por mulheres, de que essa produção tem qualidade, e de que, por conseguinte, isso pode demonstrar a outras mulheres que elas também podem fazer parte desses debates e produzir sua própria pesquisa. Isso mostra a necessidade de valorizar as protagonistas do debate brasileiro sobre os estudos hegelianos e a importância de colocá-las em diálogo com jovens estudantes e profissionais da educação, para estimular sobretudo jovens alunas do Brasil todo e entrar, participar e ocupar espaços importantes no debate sobre a filosofia clássica alemã.

A atividade é gratuita e aberta a todos os públicos, não sendo necessária inscrição. Não haverá certificado de participação.

Programação:

Segundas-feiras, 18h30min, em: https://www.youtube.com/GrupodeFilosofiaAlemãUFABC

02/08 - Verrah Chamma (UFAM)

09/08 - Márcia Gonçalves (UERJ)

16/08 - Marly Soares (UECE)

23/08 - Polyana Tidre (UNISINOS)

30/08 - Márcia Zebina (UFG)

Organização: Michela Bordignon (UFABC) e Marloren Lopes Miranda (USP)

Apoio: Grupo de Filosofia Alemã UFABC; GT Hegel; Sociedade Hegel Brasileira e Sociedad Iberoamericana de Estudios Hegelianos