Diretrizes para a Coluna Anpof

A Coluna Anpof tem como objetivo a publicação de artigos e ensaios produzidos pela comunidade filosófica que, além de dar visibilidade às pesquisas realizadas nas mais diversas áreas, busquem dialogar com questões contemporâneas a fim de contribuir para o debate público. Também são aceitos textos de homenagem, resenhas e traduções. 

As submissões devem ser feitas em língua portuguesa com extensão entre 500 e 1500 palavras. Os textos devem ser inéditos e podem ser produzidos por qualquer pessoa que pertença ou tenha pertencido a algum programa de pós-graduação brasileiro, contemplando estudantes de mestrado e doutorado. 

Ocasionalmente, os textos submetidos à Coluna Anpof podem ser divulgados, com a permissão das autoras e autores, no Estado da Arte ou no Le Monde Diplomatique Brasil, veículos com os quais temos parceria.

Os textos podem ser submetidos pelo email: comunicacao@anpof.org.br, indicando no campo "assunto": Submissão para a coluna anpof.

Será avaliada apenas a versão final do texto.


Para ler Butler como alvo e pensadora dos discursos de ódio

Carla Rodrigues

Professora do Departamento de Filosofia da UFRJ e pesquisadora Faperj
Integrante do GT Filosofia e Gênero

Valéria Cristina L. Wilke - Departamento de Filosofia

Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO
Integrante do GT Filosofia e Gênero

Susana de Castro

UFRJ/PPGF – Coordenadora do GT Filosofia e Gênero da Anpof
Integrante do GT Filosofia e Gênero

Marília Pisani

UFABC
Integrante do GT Filosofia e Gênero

Fabio A. G. Oliveira

UFF
Integrante do GT Filosofia e Gênero

Príscila Teixeira

UFRJ
Integrante do GT Filosofia e Gênero

Izilda Johanson

UNIFESP
Integrante do GT Filosofia e Gênero

01/11/2017 • Coluna ANPOF

Quando, em 1997, a filósofa Judith Butler publicou Excitable speach, ainda estava desdobrando algumas ideias centrais discutidas em Gender Trouble, livro de 1990, aqui traduzido por Problemas de gênero apenas em 2003. Nesse espaço temporal que separam a primeira edição norte-americana – há uma segu (…)

O Avesso do Direito: Do terror à banalidade do mal

Maria Borges

Professora de Filosofia da UFSC

25/10/2017 • Coluna ANPOF

Logo após à prisão provisória do Reitor da UFSC, eu me manifestei dizendo que o fato me fez lembrar a decisão do Tribunal Revolucionário do período do Terror, que havia lido na Conciergerie, Museu da Revolução Francesa. Em 11 de dezembro de 1793, o Presidente do tribunal revolu (…)

A FILOSOFIA DE PORCHAT: TECHNÉ, NEO-PIRRONISMO, PRAGMATISMO

José Crisóstomo de Souza

20/10/2017 • Coluna ANPOF

Durante seu percurso intelectual, Oswaldo Porchat Pereira veio a desenvolver, aos poucos, uma concepção filosófica própria, que chamou de neo-pirronismo, de ceticismo e – para neutralizar preconceitos – de “empirismo cético”. Antes de chegar a ela, porém, teve de se livrar, segundo ele nos conta, da “ideolog (…)

BRASIL 2018: verso a um novo acordo Katechontico

Evanildo Costeski

Coordenador de Programas Profissionais (UFC)

20/09/2017 • Coluna ANPOF

Como foi possível o golpe de 2016? São várias as explicações e os motivos. Não é minha intenção discorrer sobre todos os caminhos e as trilhas que levaram ao Impedimento parlamentar da Dilma. Todavia, em minha opinião, uma explicação sobrepõe-se: o g (…)

OPÇÕES REJEITADAS*

Roberto Mangabeira Unger

Universidade de Harvard

13/09/2017 • Coluna ANPOF

Despertamos num mundo particular: não apenas o mundo natural que habitamos, mas o mundo das instituições e práticas, incluindo as práticas discursivas, que avultam ao redor de nós. Para bem ou mal, estas práticas se situam entre nós e o quadro absoluto de referência, a vis&atild (…)

Filosofia no Brasil - Ensaios Metafilosóficos

Ivan Domingues

UFMG

02/09/2017 • Coluna ANPOF

Notícia sobre o Lançamento e Comentários Acabo de lançar pela Editora UNESP o livro de minha autoria Filosofia no Brasil: Legados e Perspectivas – Ensaios Metafilosóficos, culminando um momento importante em minha carreira, ao fazer um acerto de contas comigo mesmo, como filósofo, como intelect (…)

ABOLICIONISMO: ÉTICA E FUNDAMENTAÇÃO DOS DIREITOS ANIMAIS

Sônia T. Felipe

Professora aposentada do Depto de Filosofia UFSC

16/08/2017 • Coluna ANPOF

Originado do latim abolere, abolição refere uma ação de largar ou deixar de usar, extinguir, eliminar, suprimir ou fazer desaparecer instituições, leis e tradições. A proposta abolicionista trata de pôr fim a alguma prática institucionalizada, incluindo as leis que asseguraram sua legit (…)

UM DESAFIO PARA O PENSAMENTO: A CRISE BRASILEIRA E SUA SUPERAÇÃO

Carlos Sávio G. Teixeira

Professor Adjunto e Chefe do Departamento de Ciência Política da UFF
Doutor em Ciência Política pela USP

02/08/2017 • Coluna ANPOF

O Brasil experimenta atualmente uma crise cuja principal consequência é a desorientação do país. A tese que sustento é a de que o fundamento mais importante e menos reconhecido desta crise é moral: um antigo e persistente problema de desidentificação nacional, a ausência d (…)

(O ESTADO DA ARTE DA TEORIA CRÍTICA DA ESCOLA DE FRANKFURT) A CRÍTICA DAS FORMAS DE VIDA, DE RAHEL JAEGGI

Andreas Niederberger

Universidade de Duisburg-Essen

Tobias Weihrauch

Universidade de Duisburg-Essen

13/07/2017 • Coluna ANPOF

Jürgen Habermas introduziu o conceito de ação comunicativa em sua teoria como uma tentativa de superar as aporias da primeira geração da Teoria Crítica. Os escritos de Adorno e Horkheimer mostram – segundo Habermas – que qualquer ponto de referência utilizado para criticar a situaç&ati (…)

O Brasil não pode renunciar a filosofar, mas precisa refundar seu discurso-práxis desde sua condição e a partir de seus sujeitos epistemológico-políticos

Leno F. Danner

Universidade Federal de Rondônia G.P. Teoria Política Contemporânea

Vitor Cei

Universidade Federal de Rondônia G.P. Ética, Estética e Filosofia da Literatura

04/07/2017 • Coluna ANPOF

Historicamente, a Filosofia no Brasil costuma seguir padrões e métodos ditados pelos centros intelectuais que possuem tradições filosóficas próprias, como Alemanha, França, Inglaterra e Estados Unidos. No entanto, há vários anos assistimos no país à discussão sobre a (…)